Tarte de coco coberta

Uma tarte bastante húmida e leve. Muito básica e muito fácil de fazer. Até a massa é bastante rápida de fazer, nem precisa de ir ao frigorífico descansar, nem de ir ao forno cozer antes de levar com o recheio. Não se deixem enganar pelas indicações dadas pela revista, que diz que é de grau difícil e que o custo é médio. Não concordo nada!

É daquelas que cresce no forno mas depois não baixa e isso é bastante agradável, pelo menos para mim :)
Tinha esta receita marcada para fazer já há muitos meses, aproveitei que tinha coco ralado quase a terminar o prazo e fiz para a mesa de passagem de ano. Mantém-se húmida e fresca por bastantes dias, acho que em parte é devido à maçã que leva no recheio. Isto de fazer muitos doces só para 4 pessoas é óptimo para testar a frescura e validade das coisas :) Esta aguenta-se super bem. Aliás, todos os doces que fiz ficaram bastante bons e não perderam qualidade.
Esta receita foi retirada da Teleculinária nº 1218, Agosto do ano 2002. Vale a pena testar!


Ingredientes massa:
200 g de farinha
125 g de açúcar
150 g de manteiga
farinha para polvilhar
manteiga para untar
Gema de ovo para pincelar (não usei)
Açúcar para polvilhar (usei açúcar e canela)

Recheio:
300 g de maçãs golden ou starken
125 de açúcar
100 g de coco ralado
Sumo e raspa de 1 limão
3 ovos

Preparação:
Amasse a farinha com o açúcar e a manteiga, junte um pouco de água e envolva tudo até obter uma massa homogénea.
Estenda 2/3 da massa, polvilhando-a com farinha para não pegar, e forre com ela uma forma de tarte, previamente untada com manteiga.
Entretanto, prepare o recheio. Descasque as maçãs, retire-lhes as sementes e rale-as. Misture-as com o açúcar, o coco ralado, o sumo e a raspa da casca do limão e os ovos. Deite na forma sobre a massa.
Estenda a restante massa e cubra com ela o recheio da forma.
Pincele a superfície da massa com gema de ovo, pique-a aqui e ali com um garfo e polvilhe com açúcar.
Leve a cozer, cerca de 35 minutos, em forno a 160 ºC. Quando a tarte estiver cozida, retire-a do forno e desenforme-a (Não a desenformei).

.........................................................

Em relação ao Matias, ele foi ontem fazer análises. Ainda não sei os resultados. A veterinária diz que poderá ser Narcolepsia, mas só com uma ressonância poderá ter certeza disso. Não havendo dinheiro para uma ressonância, resta-nos esperar os resultados das análises e ver que outros exames poderão ser feitos.
Há mais de um ano criei um blog chamado "Só possuídos" dedicado aos meus bichinhos mas não está actualizado. Vou dar agora seguimento devido à condição do Matias. Preciso manter um diário e, como ainda não tenho agenda de 2010 porque a entidade que ma costuma enviar deve ter-se esquecido de mim, vou lá anotar tudo o que se passa com ele.
O blog é privado e, para já, vai continuar, porque é algo que me é muito íntimo e que envolve emoções que estão à flor da pele. Não é assunto que interesse toda a gente mas, os interessados (desde que eu já conheça há algum tempo e que saiba que gostam de animais) podem enviar-me mail se quiserem receber convite para o blog.
Mesmo assim, vou dando notícias através do Twitter e Facebook, que só os amigos têm acesso e assim vai continuar. Aproveito para dizer que não aceito ninguém que eu não conheça! Quando enviarem "pedido de amizade" digam quem são, porque muitos nem conheço pelo nome verdadeiro, ok? Desculpem mas temos que nos precaver nos tempos que correm e só me vê a fronha quem eu quero :) E acreditem que não é nada bonito de se ver he he
tags: ,
publicado por Ameixinha às 16:30 | link do post | comentar | partilhar