Sexta-feira, 30.04.10

Do Norte ao Sul!


Muitos de vocês já leram acerca do que me manteve a mim, e a outras blogueiras, afastadas da internet no passado fim de semana. A maioria delas, na verdade acho que foram todas, já falaram um bocadinho do que aconteceu. Todas nós fomos contactadas pela ASA - Associação Sotavento Algarvio - cuja directora executiva é a também dona do blog Figo Lampo, muito bem acompanhada da sua colega Ana Santos que fez com que tudo corresse como planeado :)

Convites feitos, convites aceites, rumamos todas a Sul. Um Sul ao qual nunca tinha ido, que não conhecia e que, por isso, não poderia perder esta oportunidade. Foram quatro dias inesquecíveis, de uma incontornável beleza, a empatia entre todas foi tal que tudo era motivo de risota. Bem podem imaginar o que por lá aconteceu, se bem que é inimaginável.

Estes relatos e as descrições que temos vindo a fazer são antes de mais, para louvar a iniciativa da Associação, para reafirmar o quanto gostamos do que vivemos, para homenagear todas as pessoas que nos receberam de braços abertos, que nos apresentaram um Algarve riquíssimo em sabores, aromas e cores; também para tornar imortal todos os momentos que lá passamos, todas as experiências que vivenciamos, toda a ligação que se estabeleceu entre nós e, por último, para vos dar a conhecer esse Algarve de contrastes que pode ser - e é - muito mais que sol e praia :) Não nos responsabilizamos por qualquer pontinha de inveja que possa despertar ao mais manhoso dos leitores. Aqui não aceitamos cartões, complicações ou reclamações!

A minha descrição daqueles dias vai ser um tanto ao quanto diferente, as minhas colegas de viagem esperam que eu me esgadanhe de tanto puxar pela moleirinha a tentar versejar. Como refiro sempre, é muito provável que não se entenda tudo aquilo que eu vou dizer. Há coisas que só são passíveis de entendimento por quem lá esteve comigo. Por isso, eu peço desculpa mas ao versejar tenho que comprimir os acontecimentos. É óbvio que é um relato mais descontraído mas nem por isso menos sério :) Dedicado espacialmente à Ana, à Carlota, à Gasparzinha, à Helena, à Laranjinha, à Margarida, à Mónica e à Pipoka. Espero que gostem miúdas :)

De minha parte, só posso dizer que estou velha, mas este lugarzinho da minha memória ficará intocável, pelo menos até aparecer o Alzheimer!


Aqui vai, apertem os cintos ;)

Quis saber quem sou,
Que fazia ali!
Quem me convidou?
Ai, já me perdi!

A Mónica e eu,
As primeiras a viajar.
6 horas é muito meu!
Já me estou a passar.

Perguntei quem tinha
Desistido em meu lugar!
Mas era a minha sina,
Ter que as aturar :)

Mal me vi sentada,
Depois da Pipoka entrar,
Começou a galhofada
E o Alfa a abanar.

Sacamos das marmitas.
A fome apertava.
Estávamos nas tintas,
A Carlota quase enjoava.

Em silêncio, lá ficamos.
Mas ainda falta tanto?
Felizmente lá paramos,
Em Faro fizemos um pranto.

Quem estava à nossa espera,
As meninas Ana e a Margarida.
Viram um grupo bera
Na serra deram-nos guarida.


Sempre em andamento.
Com o pé no acelerador,
Chegamos à Quinta do Marco num momento.
Que espaço acolhedor!


Ainda nos juntamos,
Na sala para a converseta.
De tudo um pouco falamos
Era o que dava na veneta :)

Cada uma para seu quarto,
Toca a adormecer!
Levantar às sete e um quarto,
Ver a serra amanhecer.



As nossas aposentações,
Eram gigantes podem acreditar.
Podíamos lá meter uns milhões
Cabia gente até fartar.



Mas garanto que fomos certinhas*.
Nunca lá entrou ninguém!
A não ser as lindas gatinhas,
Que nos receberam tão bem :)




Com uma cama de casal,
Mais uma de solteira.
Tv ligada no segundo canal :)
Dormi bem a noite inteira!

O fim de dia de quinta-feira foi assim, seguem-se os próximos capítulos em breve... se eu tiver paciência e se o blogger deixar!

Podem ler e ver os relatos que as minhas companheiras de viagem já fizeram, é só clicar nos links dos nomes delas e apreciar a escrita e fotografia de um Algarve visto aos olhos de cada uma.

Bom fim de semana!


*Não ponho a mão no fogo por ninguém :)
publicado por Ameixinha às 10:45 | link do post | comentar | ver comentários (36) | partilhar
Segunda-feira, 26.04.10

Massa de arroz com soja



Vinte e um dias sem computador, quase um mês sem máquina do pão, Quinta-feira fiquei sem modem de internet e sem telefone por causa da trovoada, e Domingo o carregador da bateria da máquina fotográfica deu o berro!
Agora digam lá se realmente isto é normal?! Porque eu acho que não pode ser, é impossível!
O ditado diz que "não há mal que sempre dure e bem que nunca acabe". O bem já se foi há muito e o mal anda a prolongar-se bastante.
Mas, no meio de todo o "avarianço", continuo a ser uma privilegiada, e saberão porquê daqui a uns tempos quando eu conseguir assimilar, digerir tudo e passar para o "papel" :)
Por agora, deixo uma refeição leve, depois de um fim de semana de empanturramento ao extremo! Ainda estou para perceber porque cheguei meio quilo mais magra a casa, será que rir faz emagrecer?
Esta receita é, originalmente, feita com carne picada, mas achei que a soja ia ligar muito bem e acertei. Apropriada para vegetarianos e carnívoros, é só escolher entre carne e soja :)
Baseei-me nesta receita do Lidl.

Ingredientes:
250 gramas de carne picada (ou 1 chávena de soja granulada - quantidade para 2 pessoas)
2 colheres (sopa) de molho de soja escuro
2 colheres (sopa) vinho de arroz ou xerez seco (usei vinho do porto)
1 colher (chá) de molho de chilli (usei pasta de curry vermelha)
1 colher (sopa) de gengibre fresco ralado (usei galanga)
2 dentes de alho amassados/esmagados
250 gramas de massa de arroz
6 cebolinhos (não usei)
1 pimento vermelho
128 gramas de cogumelos
2 colheres (sopa) de óleo de girassol
1 colher (sopa) de coentros, finamente picados

Preparação:
Deitar a carne picada (ou soja), o molho de soja, vinho, molho chilli e o gengibre numa tigela. Adicionar o alho esmagado, misturar tudo e deixar repousar durante 10 minutos. Deitar a massa de arroz para um recipiente e verter água a ferver, deixando repousar 10 minutos. De seguida, remover a água deixando-a escorrer. Cortar o cebolinho às rodelas finas.
Aquecer o óleo no wok, adicionar a carne picada e alourar, mexendo sempre. Esmigalhar a carne com uma colher de pau ou espátula, adicionando de seguida o cebolinho, pimento picado e os cogumelos.
Deixe ao lume por 5 minutos. Depois deite a massa e deixe aquecer brevemente. Polvilhe com os coentros.

Notas:
Coloquei a soja granulada de molho em água durante alguns minutos para que hidratasse.
A receita é para quatro pessoas. Eu fiz metade.

Aproveito também para avisar que, por me terem chamado a atenção que a página do blog demorava muito tempo a abrir, optei por retirar todos os selinhos que me ofereceram até agora. Apesar de me sentir agradecida pelas distinções que têm feito, tanto ao blog como à blogueira, a partir de hoje deixo de os publicar no blog. Espero não magoar ninguém com esta decisão mas é em prol do melhoramento do serviço que aqui tento prestar :)

Boa semana a todos!

publicado por Ameixinha às 23:00 | link do post | comentar | ver comentários (56) | partilhar
Sexta-feira, 23.04.10

Arroz doce com custard

Foi ao fazer este arroz doce que dei conta que a minha máquina do pão estava pior do que eu imaginava. Ela já não estava só ciumenta, estava também incontinente, porque o leite a modos que verteu pela parte de baixo da máquina e molhou a bancada toda :)
Só tive tempo de fazer este arroz doce duas vezes, se a máquina estivesse boa já o teria feito muitas mais porque, para quem não gostava de arroz doce, estou completamente viciada! Mais um bocadinho e preciso de me inscrever numa clínica de reabilitação.
É de facto bom e é ainda melhor não ter que estar ao fogão a mexer o arroz até ele estar pronto.
A receita anda de blog em blog mas acho que a primeira vez que apareceu foi aqui. Eu dei o meu toque pessoal :)

Ingredientes:
1 litro de leite meio-gordo
200 gr de arroz carolino
100 gr de açúcar baunilhado
1 colher (sopa) de farinha custard
1 casca de limão
canela em pó q.b. para polvilhar no final

Preparação: Deitem tudo na cuba da máquina, programem a função "Doces e Geleias" e depois é só deixar terminar, colocar em tacinhas e polvilhar com canela.

Agora que já tenho a máquina outra vez... vou entupir-me de arroz. Ainda por cima é uma sobremesa baratinha que até dispensa os ovos. Garanto que a farinha custard dá-lhe um sabor fenomenal :)
Vou ali auto-flagelar-me por ter passado estes anos todos a recusar comer arroz doce. Mas confesso que a maioria dos que vejo, não me dá grande vontade de lhes meter a colher. Continuam um bocadinho pálidos. Afinfem-lhe com gemas de ovos ou com farinha custard para colorir um bocadinho esta vida :)

Bom fim de semana!
Continuo ausente, volto Domingo ;)
tags: , ,
publicado por Ameixinha às 21:30 | link do post | comentar | ver comentários (50) | partilhar
Quarta-feira, 21.04.10

Puré de batata com wasabi e salmão


Finalmente consegui colocar isto como eu queria! Custou mas foi... não fosse eu teimosa que nem uma mula e não arredei pé até ver isto como eu queria. Bem pedi ajuda a um amigo que entende mais do que eu de computadores, mas ele insistiu em dizer-me que o Google Chrome sempre foi assim, a letra era mesmo meia deitada e fininha. Raios, então mas se não era assim antes, porque ficou assim depois de vir do técnico? E bufei e barafustei e não adiantou nada porque o rapaz olhava para mim como se eu estivesse maluca e não soubesse o que estava a dizer. Posso ser maluca mas não sou burra e eu sabia que isto tinha que ter remédio paaahh!

E teve, não há nada que a teimosia, perseverança e uma boa dose de paciência -ou falta dela - não resolvam. E eu, Ameixa Maria Seca, que não entendo nada de computadores, pus-me a mexer e fui dar ao TuneUp Utilities e descobri que era lá que residia o cerne do próblema. Clique aqui, clique ali, muda letra, muda tamanho, etc e a coisa voltou ao normal.

O segredo é não desistir e tomar uns tranquilizantes, para não partir o bicho todo com tiros e bombas e socos nas trombas, que era o que verdadeiramente me apetecia fazer :)

Resolvido o imbróglio, seguimos a programação com um momento zen. Quer dizer... pode não ser zen mas que é oriental é... pelo menos, tem wasabi :)


Não é bem, bem uma receita, é mais uma sugestão para quem gosta de wasabi, que deixa um sabor mais marcante no puré. Eu servi com salmão grelhado mas podem comer com o que vos apetecer :)

Ingredientes:

1,350 kg de batatas, descascadas e cortadas em cubos

3/4 de chávena de leite

1 colher (sopa) de wasabi em pó

1/4 chávena de manteiga

Preparação:

Coloque as batatas num tacho com água fria e sal. Ferva até ficarem tenras, cerca de 20 minutos. Escorra e esmague-as.

Combine o leite com o wasabi e mexa até o pó se dissolver. Junte a mistura de leite e a manteiga às batatas. Com a batedeira, misture tudo até estar fofo e suave. Tempere a gosto com sal e pimenta. Pode ser preparado com duas horas de antecedência. Cubra e mantenha à temperatura ambiente. Re-aqueça em lume brando, mexendo constantemente.

Fonte: Epicurious

A partir de quinta ao início da tarde estarei ausente, só vou regressar no Domingo à noitinha e este bicho não vai atrás de mim. Portanto, portem-se bem na minha ausência, sim?

Vou deixar uma postagem agendada para que, quem costuma visitar o blog, não se sinta abandonado ;)

Continuação de óptima semana!
publicado por Ameixinha às 00:07 | link do post | comentar | ver comentários (42) | partilhar
Sábado, 17.04.10

Panquecas prateadas de laranja e coco

Confesso que está a custar encarreirar na net depois de tantos dias ausente. Descobri que isto enerva-me, não há qualidade de vida nenhuma em estar sentada em frente ao computador e a ficar com o rabiosque quadrado! Além do mais, ainda não consegui configurar a porra do Google Chrome e começo a ficar ainda mais possuída :)
Acho que a coisinha que me fez mais falta foi a página do Instituto de Meteorologia, porque o raio do tempo dá comigo em doida e eu gosto de saber qual a previsão para o dia de amanhã.

Quanto aos vossos blogs eu sabia que, quando voltasse, podia colocar as leituras em dia. Nada se perde na blogosfera :)
Foi ao actualizar as leituras que descobri que o Delícias e Talentos tem novo desafio. Antes do computador dar o berro publiquei as codornizes, que devem ter enjoado a maioria das pessoas que cá vieram, tal foi o tempo em que elas estiveram no topo da página à espera de nova publicação :)
Pois bem, antes que aconteça mais uma desgraceira, vou publicar a minha receita, participando assim no desafio Cozinhar com laranja com umas panquecas de laranja e coco que vi no blog Food loves writing.


Ingredientes:
3/4 chávena de farinha
2 colheres (sopa) de açúcar
2 colheres (chá) de fermento
1/2 colher (chá) de sal
1/4 chávena de coco ralado
3/4 chávena de leite
1 ovo
1 1/2 colher (sopa) de manteiga, mais para a frigideira
1/2 colher (chá) extracto de baunilha
1 colher (sopa) de zest de laranja
1 colher (sopa) de sumo de laranja

Preparação:
Numa tigela, misture a farinha, açúcar, fermento, sal e coco. Reserve.
Noutra tigela, combine o leite, ovo, manteiga, baunilha e sumo de laranja. Adicione estes ingredientes à mistura seca e mexa até combinar. Adicione o zest de laranja.
Aqueça um pouco de manteiga na frigideira em lume médio. Quando estiver derretida, coloque colheradas de massa e deixe cozinhar por cerca de 2 minutos ou até ficarem douradas, depois vire e deixe cozinhar do outro lado.

Sirva com xarope, compota, manteiga, etc. Eu usei laranjas maceradas que tinha feito no dia anterior. É só cortar duas fatias finas de 4 laranjas, uma a partir do topo e outra a partir da base. Com uma faca afiada, retire a casca das laranjas e a película branca que a reveste. Com um corte separe o lado de um gomo entre a parte "carnuda" da laranja e a membrana. Repita o mesmo procedimento para o outro lado do gomo e levante-o para o retirar. Faça-o sobre uma tigela para aproveitar o sumo de laranja. Repita o mesmo com todos os gomos. Coloque-os num prato raso e polvilhe com 1 colher (chá) de casca de limão ralada, 3 colheres (sopa) de açúcar refinado e 1 colher (sopa) de sumo de limão. Mexa com cuidado. Tape e deixe no frigorífico pelo menos 4 horas. Mexa novamente. Sirva frio. Esta receita foi retirada d' "O livro essencial da Cozinha Mediterrânica".

Notas: A tradução de silver dollar para "prateadas" é minha. Não sabia bem como traduzir e esta pareceu-me a melhor tradução :) Segundo apurei o silver dollar é das moedas mais famosas do mundo!
publicado por Ameixinha às 11:15 | link do post | comentar | ver comentários (62) | partilhar
Quinta-feira, 15.04.10

I'm alive!

Voltei voltei, voltei de lá,
Ainda ontem não tinha computer
e agora já estou cá :)

Mas só estou a 50% porque isto voltou com uma configuração manhosa e eu ando às aranhas!
Enfim, até acho estranho ter computador :)
Este tempo serviu para eu saber que não estou viciada na net, valha-nos isso!
Em breve voltarei para actualizar os blogs, contar as novidades, algumas desgraças e tal :)
Obrigada a todos que enviaram mail a perguntar se estava tudo bem!
Vou tentar desentupir as caixas de mail e depois ver se me actualizo na blogosfera.
tags:
publicado por Ameixinha às 14:07 | link do post | comentar | ver comentários (57) | partilhar

mais sobre mim

a possuída moída

Sobrevivo numa selva de hipocrisia, burocracia e cegueira de quem não quer ver. Prefiro não me lembrar da crise de valores que vivemos, mesmo sendo quase impossível esquecer-me disso. Cozinho e como com prazer, mesmo que alguma culpa surja depois. Gosto de andar a pé sozinha, viajar de comboio com um livro na carteira, dizer "Bom dia" com convicção e a sorrir. Ajudar quem precisa é o que me permito fazer sem pensar duas vezes, embora haja muita gente mal-agradecida. Sou adepta da boa disposição, da humanidade e respeito nos serviços de saúde e educação, acredito na capacidade de generosidade e bondade das pessoas que me rodeiam. Entristece-me que, nem sempre, essas capacidades sejam canalizadas quando deveriam. Não gosto das vizinhas coscuvilheiras e de pessoas mal educadas, prepotentes e ocas. Os meus olhos transmitem tudo o resto de mim e são cor da canela. Amo a Fauna e a Flora. Adoro o Outono e as folhas que caem. Não vejo qualquer utilidade em peluches. E a única coisa que é afrodisíaca é o amor.

pesquisar neste blog

 

posts recentes

Posts mais comentados

aqui acontece

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

arquivos

tags

links

subscrever feeds

quantos por cá passaram...